Airbus: novo A380plus

Nova versão do A380 promete mais eficiência. Novos winglets maiores permitem até 4% a mais de economia de combustível.

Airbus A380plusA Airbus acaba de apresentar um estudo de desenvolvimento para o “A380plus”, versão aprimorada do A380. O estudo inclui melhorias na aerodinâmica, especialmente winglets maiores e outros refinamentos das asas, que entregarão uma economia de até quatro por cento no consumo de combustível. Adicionalmente ao programa otimizado de manutenção do A380 e o aprimoramento dos recursos de cabine exibidos no Aircraft Interiors Expo (AIX) em abril, o benefício geral é de 13% de economia por assento em comparação à versão atual do A380.

John Leahy, COO de Clientes da Airbus, explica: “O A380plus é uma maneira eficiente de oferecer ainda mais economia e, ao mesmo tempo, desempenho operacional aprimorado”. Ele adiciona: “é um novo passo para que nossa popular aeronave atue com maior eficiência no crescente tráfego internacional e atenda às necessidades dos clientes do A380. O A380 é comprovadamente a melhor solução para o aumento de circulação nos maiores aeroportos e para a oferta de experiências únicas e excepcionais aos clientes”.

Os novos winglets medem aproximadamente 4,7 metros de altura (com uma uplet de 3,5 m e uma downlet de 1,2 m). Elas foram projetadas para melhorar a aerodinâmica e reduzir o arrasto.

O layout otimizado da cabine, baseado nos recursos de cabine (“cabin enablers”) apresentados na Aircraft Interiors Expo (AIX), possibilitam a adição de 80 assentos [1] sem comprometer o conforto: escadas reprojetadas, combinação da área da tripulação e de descanso, remoção dos compartimentos de armazenamento nas paredes laterais, nova configuração de nove assentos lado a lado na classe Premium Economy e de 11 assentos lado a lado na classe Econômica.

Airbus A380plus -novoO A380plus terá um maior peso máximo de decolagem (PMD) de 578 toneladas, o que proporcionará flexibilidade para transportar até 80 passageiros adicionais em comparação à linha atual (8.200 nm), ou para voar 300 nm a mais. O A380plus apresenta intervalos de manutenção mais longos, tempo de inatividade reduzido de seis anos e aprimoramentos do sistema que reduzirão os custos de manutenção e aumentarão a disponibilidade da aeronave.