Praia do Francês: bons restaurantes

O polo gastronômico está em constante ascensão no belo destino alagoano

Patrícia e Mário, donos do restaurante Maré Pimenta, que oferece o melhor da culinária italiana

Patrícia e Mário, donos do restaurante Maré Pimenta, que oferece o melhor da culinária italiana

 

 

Por Fernando Porto
Editor da APN

De balneário usado antigamente apenas para fins de semana de turistas e alagoanos de Maceió, a praia do Francês, no município de Marechal de Deodoro, a 18 km da capital alagoana, evoluiu como destino independente desde a construção e início das atividades do Ponta Verde, um hotel de categoria superior, dos empresários Mauro e Maurinho Vasconcelos, que está há três anos em atividade.

Um dos deliciosos pescados grelhados do restaurante da piscina do hotel Ponta Verde Praia do Francês

Um dos deliciosos pescados grelhados do restaurante do hotel Ponta Verde Praia do Francês

O empreendimento está dando uma verdadeira lição de sustentabilidade nos três anos de atividade, capacitando e empregando pessoas do pequeno vilarejo, investindo nas melhorias de urbanização da praia e incentivando o início de um polo gastronômico de alta qualidade. Em relação a esse último fenômeno emergente, a reportagem da Agência Porto de Notícias teve a oportunidade de conhecer três representantes desse emergente polo do belo destino.

O primeiro estabelecimento visitado foi o charmoso restaurante Maré Pimenta, localizada a poucos quarteirões do hotel, numa aconchegante casa com jardim arborizado. O simpático casal de proprietários, a brasileira Patrícia Engelsdorff e o italiano Mário Gradella, que já tiveram restaurantes em Milão (Itália) e em Porto Alegre (RS), recebem os clientes com a mesma amabilidade de um jantar na casa de amigos e familiares e mantêm essa informalidade sem pecar com a qualidade da comida, que é focada em deliciosos pratos da gastronomia milanesa com influências brasileiras. O lugar, aliás, com capacidade para 50 pessoas, é ideal para casais românticos que desejam fugir dos barulhentos restaurantes para famílias com filhos, e podem saborear os pratos nas mesas sob as árvores.

Camarão ao creme de basílico, servido dentro de uma grande concha - especialidade do Maré Pimenta

Camarão ao creme de basílico, servido dentro de uma grande concha – especialidade do Maré Pimenta

Patrícia acredita que a vinda do hotel Ponta Verde proporcionou ao destino a vinda de um público mais sofisticado e exigente “fugindo mais do turismo de massa, de excursões”. O chef Mário também concorda e afirma que esse público está em sintonia com a proposta do restaurante, de priorizar a qualidade e não a quantidade. “Não estamos preocupados em receber um grande público. Por termos um espaço menor nessa casa, atendemos menos pessoas, mas com tranquilidade, sem pressa para apreciarem os pratos de uma cozinha italiana de alta qualidade”, afirma.

 Área externa do restaurante Maré Pimenta

Área externa do restaurante Maré Pimenta

O carro-chefe do Maré Pimenta é o camarão ao creme de basílico (camarões, molho branco e creme de manjericão), que vem servido de forma bem original: dentro de uma grande concha. Pode servir a duas pessoas. Outra opção é sua especialíssima pizza Maré Pimenta, em tamanho grande, com calabresa, berinjela, cebola, pimenta, molho da casa e mussarela. Devido ao número limitado de mesas, é bom reservar por telefone (82-3260-1178) durante a alta temporada.

Outra boa opção gastronômica na Praia do Francês, é a Piano Ecopizza (ecopizza.com.br), localizada na avenida principal de comércio do município. A pizzaria, do paulistano Paulo Dantas, tem um ambiente moderno e uma área bem arejada e foi instalada no local onde era uma antiga escola de música – o que explica o nome. Foi inaugurada em 2012, com a proposta de oferecer na praia uma pizza com a qualidade tradicional de São Paulo e utilizando uma filosofia ecológica, já que o forno não utiliza lenha, mas sim bagaço de cana prensado – uma matéria prima abundante na região alagoana. Dantas afirma que, apesar da crise do País, o destino tem um grande potencial de crescimento. “E, comparada a Morro de São Paulo, por exemplo, a Praia do Francês é muito mais bonita”, completa.

Paulo Dantas proprietário, do Piano Ecopizza

Paulo Dantas proprietário, do Piano Ecopizza

O carro-chefe do Piano Ecopizza é a pizza Piano, uma deliciosa mistura de camarão com catupiry, molho de tomate, mussarela, orégano e azeitonas. Um diferencial oferecido para as pizzas é o molho de mel com pimenta, uma receita exclusiva da casa. Ainda na toada alagoana e no clima de praia, há opções no cardápio de pizza de charque desfiado, filé de siri e de lagosta com mussarela (com lagosta refogada e ervas finas).

O Piano Ecopizza oferece desde as pizzas tradicionais até as diferenciadas da região, de camarão com catupiry ou com carne de charque

O Piano Ecopizza oferece desde as pizzas tradicionais mais simples até as diferenciadas da região, de camarão com catupiry ou com carne de charque

 

 

 

 A solução ecológica do Piano é o uso de lenha de bagaço de cana

A solução ecológica do Piano é o uso de lenha de bagaço de cana

Tradição – Dentro do novo polo gastronômico, há lugar também para um restaurante de 16 anos, que já fez história na Praia do Francês, mas que ainda é um convite agradável e prazeroso aos bons gourmands: o famoso Parada de Taipas. O espaço, de Wilson Caliari Chaves, também localizado na avenida principal da cidade, tem forró, decoração tematizada de Lampião e Maria Bonita, e oferece o famoso chiclete de camarão, um prato inventado por Caliari e que já rendeu reportagem pela originalidade e qualidade final. O prato traz camarões misturado a queijos e com molho de tomate. Uma porção generosa atende bem a duas pessoas. Outra pedida é a peixada com camarão.

O famoso chiclete de camarão do restaurante Parada de Taipas

O famoso chiclete de camarão do restaurante Parada de Taipas

E agora, diante do processo de desenvolvimento da orla, impulsionado desde a chegada do Ponta Verde, Wilson Caliari afirma que inaugurará em breve um pequeno bistrô de 30 lugares, na proximidade do novo calçadão, com a proposta de oferecer pratos rápidos e baratos. “Vamos diversificar bastante e oferecer um bom filé ou lombo recheado a um preço bem em conta: a partir de R$ 18”, promete o dono do Parada de Taipas.

Wilson Caliari Chaves, dono do Parada de Taipas

Wilson Caliari Chaves, dono do Parada de Taipas

Outras duas alternativas do roteiro gastronômico do destino é o Dona Madalena, da Avenida dos Corais, com sua famosa moqueca de camarão, e o Armazém Brasil, na Rua Carapeba, que se destaca por seu risoto de carne de sol.

O hotel que mudou a praia
Para a construção do Ponta Verde Praia do Francês, o único hotel de categoria superior da região, foram investidos cerca de R$ 20 milhões. Possui 94 apartamentos e quatro suítes – extensas como um grande apartamento familiar, com uma jacuzzi em cada varanda, e incluindo uma presidencial, mais luxuosa. No terceiro andar, destaca-se uma das áreas mais agradáveis do hotel: a piscina, frequentada até à noite por causa da bela vista panorâmica, onde há o restaurante principal com gastronomia diversificada de peixes, carnes e massas.

Fachada do Ponta Verde Praia do Francês

Fachada do Ponta Verde Praia do Francês

 

 Vista do quarto com varanda do Ponta Verde Praia do Francês

Vista do quarto com varanda do Ponta Verde Praia do Francês

Serviço
Restaurantes da Praia do Francês:
Maré Pimenta – Rua Dourado, 37. Tel. (82) 3260-1178
Facebook: https://www.facebook.com/pages/Mar%C3%A9-Pimenta/518948748190563

O Piano Ecopizza – Avenida Caravelas, 288. Tel. (82) 3260-1205
Facebook: https://pt-br.facebook.com/pianoecopizza

Parada de Taipas – Av. Caravelas, 435. Tel. (82) 3260-1609
Facebook: https://www.facebook.com/Parada-de-Taipas-359735307472979/

Dona Madalena – Avenida dos Corais, 284. Tel. (82) 3260-1369
Armazém Brasil – Rua Carapeba, 1. Tel. (82) 9922-4944

Hotel
Ponta Verde Praia do Francês. Diárias variam de R$ 350 (quarto vila) a R$ 1.400 (suíte presidencial). Rua das Algas, Nº 300. Tel: (82) 3263-6100
Site: http://www.hotelpontaverde.com.br/praiadofrances/hotel/

Fernando Porto é jornalista, escritor, terapeuta e editor da Agência Porto de Notícias, que oferece um conteúdo jornalístico diferenciado para o público de cultura, viagens, saúde e lifestyle